Higiene Oral e Periodontologia

Descrição do serviço

A higiene oral é absolutamente essencial para um sorriso saudável, assim sendo é necessário ter cuidados diários com a nossa boca. Esta área da Medicina Dentária é dirigida ao diagnóstico, prevenção e terapêutica de doenças orais, tendo um papel determinante na manutenção dos tratamentos efectuados nas outras especialidades. A área de Higiene Oral implica uma vertente pedagógica, através de ensinamentos e demonstração de técnicas específicas, de modo a motivar os nossos pacientes para uma excelente saúde oral.

No que toca a Periodontoligia, esta anda de maos dadas com a Higiene Oral. Periodontologia É a área da Medicina Dentária que trata a gengivite e a periodontite, doenças estas que afetam as gengivas e os tecidos de suporte dos dentes. Estas doenças, muitas vezes apresentam quadro indolor e podem passar despercebidas por muito tempo, e se não forem diagnosticadas e tratadas, podem destruir o osso e os tecidos que circundam e sustentam os dentes, resultando em mobilidade e perda das peças dentárias.

A doença Periodontal é, junto com a cárie dentária, a principal causa de perda dos dentes, e instala-se gradualmente provocando hemorregia, mau hálito,modificação da aparência do sorriso com exposição das raizes e criando espaços interdentários.

 

No entanto a perda de dentes já não é uma consequência inevitável da doença periodontal. Técnicas modernas permitem o tratamento da Periodontite ( doenças das gengivas, piorreia, entre outros sinónimos) e a regeneração da mesma, assim como da perda óssea.

Poderá ser feita uma abordagem cirurgica das ‘bolsas’ no tratamento da periodontite. A colocação da gengiva nova sobre raízes expostas. Correcção estética de uma linha de sorriso alto (que mostra muita gengiva). Regeneração de osso e gengiva antes ou durante a colocação de implantes dentários.

 

As doenças das gengivas afectam os tecidos que envolvem e suportam os dentes. Cerca de 3 em cada 4 pessoas sofrem de alguma forma destas doenças que correctamente se chamam de Doenças Periodontais. Estas dividem-se em Gengivites e Periodontites.

A gengivite é uma doença facilmente tratável e é comum numa grande percentagem da população e manifesta-se tanto em adultos como cada vez mais em crianças e adolescentes. As pessoas fumadoras ou que sofrem determinados problemas de saúde, como por exemplo diabetes têm maior tendência para este tipo de doenças. Existem outros tipos de gengivites, como em caso de descontrolo hormonal (Gengivite Gravídica) ou em caso de toma de medicamentos (Gengivite Medicamentosa ).

A gengivite pode evoluir para um estado mais grave, a Periodontite (antigamente conhecida por piorreia). Nesta situação há uma destruição irreversível do osso e ligamento que suportam os dentes, o que leva a que os dentes abanem e eventualmente caiam. A Periodontite é uma doença muito grave e é uma das maiores causas de perda dentária em Portugal. Este processo só é travado com tratamento adequado.

 

Qual é a causa das doenças periodontais?

A principal causa é a acumulação de placa bacteriana junto aos dentes (massa esbranquiçada aderente, constituída principalmente por bactérias nocivas, saliva e restos alimentares). Quando a placa bacteriana mineraliza, forma-se o tártaro (também conhecido por pedra). A placa, mas principalmente o tártaro são responsáveis pela irritação das gengivas, que inflama num mecanismo defensivo e assim surge a Gengivite. Esta, se não for tratada permite que as bactérias mais agressivas avancem ao longo da raiz do dente passando para um estado de Periodontite. Os tecidos de suporte são destruídos e reabsorvidos, aparecem bolsas periodontais e gradualmente irá aparecer mobilidade dentária.

 

Quais os sinais alarmantes?

Gengivas que sangram à escovagem ou espontaneamente, gengivas vermelhas ou com maior volume que o normal, dentes com as raízes expostas, dentes com sensibilidade ao frio, mau hálito ou mau sabor, dentes com mobilidade, pús nas gengivas, gengivas descoladas dos dentes.

 

Como se trata a Gengivite?

A Gengivite é uma doença que o Médico Dentista facilmente trata com a eliminação da placa bacteriana e do tártaro. No entanto o paciente tem de melhorar a sua higiene oral, principalmente com o uso de fio dentário, uma escovagem regular com pasta dentífrica e elixir para bochechar.

 

Como se trata a Periodontite?

A periodontite e uma doença crónica provocada por bactérias especificas que se manifesta principalmente em pessoas com tendência para elas. O tratamento dependerá do tipo de doenças periodontais e do avanço da doença, mas sempre com o objectivo de eliminar a infecção e evitar a reinfecção.

Primeiro será feita uma destartarização que remove os depósitos de placa bacteriana e tártaro acima e abaixo da linha das gengivas. Depois será o alisamento radicular que ira alisar as superfícies das raízes de forma a que a gengiva possa sarar e as raízes ficarem sem superfícies de aderência. Se forem encontradas bolsas profundas e sinuosas e tiver sido destruído muito osso, o seu Medico Dentista pode recomendar-lhe uma cirurgia periodontal. Esta será mesmo a única forma de regeneração óssea. Também no caso da Periodontite a higiene oral deve ser perfeita para obtenção dos melhores resultados.

 

Como se evitam as doenças periodontais?

Estas doenças necessitam de um acompanhamento profissional mais frequente pelo que, se sofre de algum tipo de doença periodontal é recomendado que visite o seu Medico Dentista 4 vezes por ano. Para combater a acumulação de placa bacteriana e também necessário um programa adequado de escovagem, utilização de fio dentário e bochechos com colutório. Na escovagem deve dar especial atenção aos sulcos gengivais e aos espaços interdentários. Evite fumar, beber café e bebidas alcoólicas. Estes ajudam à acumulação de placa e, combater a sua existência, é um componente fundamental dos cuidados orais.

Médicos